terça-feira, 28 de janeiro de 2014

EXÉRCITO APURA CAUSAS DE ACIDENTE QUE MATOU BEBÊ EM VIRGEM DA LAPA

Criança de 4 meses morreu depois de ser atropelada por um trator. Equipe do Exército apura possível falha mecânica.

Coronel Ivan Alexandre e componentes da equipe que vai apurar causas do acidente. Foto: Gazeta de Araçuaí
O 11º Batalhão de Engenharia e Construção apura as causas do acidente que matou uma menina de quatro meses na tarde dessa segunda-feira (27) em Virgem da Lapa, no Vale do Jequitinhonha.

Alexandra Barreto Nascimento morreu após ser atropelada por um trator conduzido por um soldado do Exército de Engenharia de Araguari, que estava na região para a realização de obras de recuperação de um trecho da BR-367, entre Virgem da Lapa e Minas Novas.

Segundo a Polícia Militar, a menina estava dentro de um carrinho de bebê, em um trailer usado como ponto de venda de alimentos, perto do canteiro central da BR-367, em frente ao prédio onde foi instalado o alojamento do grupamento do Exército. Por volta das 14h, um trator desgovernado subiu na calçada e atingiu o trailer.

"O veículo não estava em alta velocidade. O pai da criança viu que a patrol vinha em direção ao trailer, mas só conseguiu sair do local e salvar a esposa. Com a colisão, o estabelecimento que era de madeira ficou destruído", explica o comandante Eberval Pinheiro.

A menina foi socorrida, levada para um hospital da cidade e posteriormente encaminhada para outro hospital em Araçuaí, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no final da tarde. Os pais, Alexandro de Barros Nascimento (de 27 anos) e Eva Edna Barreto Lima (de 35 anos), tiveram ferimentos leves.

No acidente, o condutor e outro soldado, que estava no veículo, tiveram ferimentos nos braços e nas pernas.

Perícia e investigação

Perícia de Polícia Civil de Pedra Azul esteve no local e detectou o vazamento de óleo na bomba de freio, mas o laudo final será entregue em até 30 dias.

O soldado que dirigia o veículo foi conduzido pela Polícia Militar até a delegacia da Polícia Civil de Pedra Azul onde foi feito o Auto de Prisão em Flagrante, devido à morte da criança.

O sargento Vasconcelos, do 11º Batalhão, disse que o Exército lamenta o corrido e que no momento presta todo o apoio à família da vítima.

“Infelizmente, nosso serviço envolve certos riscos. Acreditamos que tenha ocorrido uma falha mecânica. O comandante Ivan Correia Silva estará pessoalmente ainda nesta terça-feira (28) na cidade juntamente com uma equipe para averiguar o caso”, afirma o sargento.

Segundo familiares da vítima, a criança será velada nesta terça-feira na casa dos pais e enterrada no fim da tarde em um cemitério de Virgem da Lapa.

Por Nicole Melhado, do G1 Grande Minas

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger