segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

MINAS NOVAS-MG: APÓS QUEDA DO MINÉRIO, EMPRESA ANUNCIA QUE DEIXARÁ PROJETO BILIONÁRIO

A australiana BC Iron está deixando uma joint venture no Brasil, cuja meta era expandir suas operações internacionais de mineração, devido ao declínio nos preços do minério de ferro, disse nesta segunda-feira a sua sócia, a Cleveland Mining.


Com a queda do preço do minério pela metade em relação a um ano atrás, a BC Iron e outras mineradoras conseguiram se manter rentáveis por conta do dólar australiano mais fraco, taxas de frete baratas e custos baixos associados à queda do preço do petróleo.

"À luz das condições do mercado, a BC Iron indicou sua intenção de se retirar da aliança igualitária entre as companhias para os projetos de exploração de minério Bahia e Minas Novas, no Brasil", disse a Cleveland, em comunicado.

A BC Iron não estava disponível imediatamente para comentar.

Para combater a queda dos preços do minério, a BC Iron cortou dezenas de postos de trabalho em dezembro em sua mina Nullagine, na Austrália, operada por uma joint venture com a Fortescue Metals.

A BC Iron vendeu 1,2 milhão de toneladas de minério a um preço médio de 60 dólares a tonelada no último trimestre. Ela está mirando custos totais entre 54 dólares australianos (42 dólares) e 61 dólares australianos (48 dólares) por tonelada para o ano fiscal 2014/2015.

O minério de ferro perdeu mais de 10 por cento de seu valor em janeiro, ampliando um declínio de 47 por cento em 2014.

Entenda o caso

O Blog do Jequi já havia anunciado em 2012 o estudo que indicava 750 milhões de toneladas de minério de ferro no município. No que respeita ao Projeto Minas Novas, as possíveis alternativas incluem a construção de um ramal ferroviário de 160 km para escoar a exploração até Montes Claros-MG ou mesmo um mineroduto de 300 km de extensão até o novo Porto de São Mateus-ES. Outra alternativa é a construção de mineroduto de 400 km até o novo Porto de Ilhéus-BA, segundo publicação da empresa responsável. A construção de uma ferrovia de aproximadamente 350 km de extensão até o novo Porto de São Mateus (ES) também é estudada.

Projeto prevê construção de ramal ferroviário de 160 km até Montes Claros.

Foi divulgado pela empresa Cleveland Mining, responsável pela exploração de minério de ferro em Minas Novas-MG, Vale do Jequitinhonha, em parceria com a BC Iron, a exploração de aproximadamente 1.070 Km² de minério de ferro, com teores entre 50% e 66% de ferro. O investimento inicial de Minas Novas não foi divulgado. Mas já se sabe que o investimento começará ainda em 2014. Todo o projeto, que inclui outras cidades no Brasil e na austrália terá investimento inicial de US$20 milhões de dólares.


Texto: Agência Reuters, com alterações do Blog do Jequi

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger