segunda-feira, 4 de agosto de 2014

CONDIÇÕES DO VALE DO JEQUITINHONHA SERÃO DISCUTIDAS EM SEMINÁRIO EM ARAÇUAÍ

Os debates serão conduzidos pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF), pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerias (Emater), pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e pela Sociedade Mineira de Engenheiros Agrônomos (SMEA).


Durante o seminário, especialistas e técnicos vão abordar temas relativos ao desenvolvimento da região. Foto: Lori Figueiró

Com o intuito de debater sobre os desafios climáticos e econômicos enfrentados pelos municípios da região do Vale do Jequitinhonha, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas) realiza o Seminário Água e Terra – O futuro do Vale do Jequitinhonha, no dia 8 de agosto, em Araçuaí.

As palestras e painéis de discussão serão gratuitos e abertos ao público.

Segundo a inspetora-chefe do Crea-Minas na cidade, a engenheira civil Maria Lúcia Ferreira de Souza, a iniciativa foi motivada pela necessidade de discussão em torno dos problemas estruturais e da falta de planejamento verificado na região. “A realidade de hoje são cidades carentes que convivem com os problemas crônicos do Vale, como a falta de água e o solo infértil”, avalia Maria Lúcia.

Segundo ela, um dos objetivos do seminário é propor alternativas de desenvolvimento viáveis e compatíveis com as condições locais como o investimento no plantio de culturas que se adaptem ao clima e solo da região. “Hoje não temos uma produção agrícola forte. As pessoas, praticamente, produzem para sobreviver”, comenta.

Durante o seminário, especialistas e técnicos vão abordar temas relativos ao desenvolvimento da região. 

Um dos idealizadores do evento, o presidente do Crea-Minas, o engenheiro civil Jobson Andrade, fará a abertura do evento às 9h. 

O primeiro painel terá como tema “Água e terra: Cenário atual e perspectivas” e o segundo será apresentado com o assunto “Condições para o desenvolvimento econômico do Vale”.

Os debates serão conduzidos pelo Instituto Estadual de Florestas (IEF), pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural de Minas Gerias (Emater), pelo Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) e pela Sociedade Mineira de Engenheiros Agrônomos (SMEA).

Ao longo do evento, será feito um levantamento de propostas entre o público para elaboração da Carta para o Desenvolvimento do Vale do Jequitinhonha, que será apresentado à população no mesmo dia e encaminhada, posteriormente, às diferentes esferas de governo, além dos órgãos competentes.
No fechamento do evento, em uma iniciativa junto ao Crea Cultural, os presentes poderão conferir a apresentação musical “A Cultura do Vale”, com Dori Mendes e Luciano Tanure.

Serviço:

Data: 08/08/14
Horário: 8h30 às 18h
Local: Centro Cultural Luz da Lua – Rua D. Serafim, 426, Centro – Araçuaí – MG.

Fonte: CREA/MG


Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger