segunda-feira, 2 de julho de 2012

POLÊMICA PONTE CONSTRUÍDA EM PARCERIA ENTRE PREFEITURAS DE MINAS NOVAS E TURMALINA É INAUGURADA

A “Ponte da Amizade”, construída sobre o Rio Fanado, nova ponte que liga os municípios de Turmalina e Minas Novas, permitindo aumentar ainda mais o intercâmbio entre os 02 municípios.


A obra realizada pelas duas prefeituras em parceria com a APERAM Bioenergética vai aproximar os moradores do distrito de Lagoa Grande ( Minas Novas) com a sede do município de  Turmalina. Prova disso é uma nova linha de ônibus que entrará em atividade no dia 02 de Julho. Saindo de Lagoa Grande as 06h45min da manhã, exceto aos sábado, dia em que o ônibus sai as 06h00min. 

O evento realizado nas margens do  Rio Fanado contou com a presença de autoridades dos dois municípios e com pessoas de várias comunidades rurais, dentre elas Mangabeira, Campo Alegre, Buriti e Zé Silva.


Durante a inauguração o Prefeito de  Turmalina Zailson Macedo Godinho reafirmou a parceria que existe entre os dois municípios. “Essa ponte é mais uma prova de que  Turmalina e  Minas Novas devem trabalhar unidas, para que os resultados apareçam e beneficiem a população dos dois municípios”, afirma. Já o Prefeito de  Minas Novas, José Henrique Gomes Xavier que chegou a ser criticado por cidadãos da sua própria cidade, disse que toda ponte é uma via de mão dupla. “Muitas pessoas me criticaram por realizar a obra, mas a mesma estrada que leva o progresso também o traz.

A ponte vai beneficiar todas as comunidades rurais da região. Essa reivindicação foi feita por pessoas que conhecem a realidade das pessoas que moram nessa região e o intercambio com uma cidade como  Turmalina é sempre positivo”, explica o prefeito minutos antes do processo de descerramento das placas fixadas nas duas margens da Ponte da Amizade.


A PONTE DA AMIZADE está construída em uma bela paisagem; e agora com o melhoramento que as duas prefeituras promoveram na estrada, poderia até pensar em usar a localidade para a atividade turística. E mais, a comunidade Campo Alegre, que produz peças de artesanato em cerâmica que são comercializadas em várias partes do Brasil e do mundo fica bem próxima do local. Poderia! Mas, o problema é o “cheiro e a qualidade da água” do  Rio Fanado naquele ponto, que recebe logo acima, toneladas de esgoto, lançadas pelas cidades de Capelinha e Angelândia. Que essa parceria entre os dois municípios seja longa e que o problema do esgoto também possa ser resolvido. A natureza agradece!

Texto e fotos: Cidade FM Turmalina

Comentário do autor do Blog do Jequi:

É inegável os benefícios que esta nova ponte traz para as comunidades rurais próximas a ela, bem como o distrito de Lagoa Grande. Porém, como o próprio prefeito José Henrique mencionou, a população de Minas Novas reclama que tal ponte terá como principal favorecida o comércio da cidade vizinha de Turmalina-MG, já que grande parte da população deixaria de movimentar o comércio minas novense e passaria a frequentar o comércio da cidade turmalinense. 

A indignação da população cresce devido à enorme quantidade de recursos destinados a programas desenvolvidos na zona rural e a falta de investimento, por exemplo, no comércio local, que perderá, em muito, com essa nova obra. Outra "interessada" na obra e que inclusive ajudou na construção da mesma é a Aperam Bioenergética, empresa que mais lucra no Vale do Jequitinhonha e que pouco faz efetivamente para a população local.

Longe de ser contra a obra que, repito, trará novas oportunidades aos moradores da zona rural atendida pela obra, mas deveria se pensar numa alternativa para o aquecimento do comércio local, como um distrito industrial forte. O comercio vem enfraquecendo aos poucos e sofre com a entrada de grandes redes do varejo das grandes capitais que, apesar de gerar empregos, tem todo seu lucro voltado a empresários que não dá um retorno financeiro por estas bandas.

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    9 comentários:

    Anônimo disse...

    Parabéns pelo blog. O vale precisa de veículos de divulgação como esse.

    VICENTE GOMES CORDEIRO . disse...

    o poder municipal poderia dar uma atenção maior a cidade ; em vez de abrilhantar cidade vizinha com estrada de mão dupla,poderia sim resolver este trânsito caótico em minas novas: fazendo assim anel viário dando assim uma aceleraçaõ no crescimento na cidade enaõ fazer tantos quebra molas , chega...........

    VICENTE GOMES CORDEIRO . disse...

    O poder municipal poderia dar mais atençaõ a nossa cidade , em vez de abrilhantar cidade vizinha com estrada de mâo dupla ; desenvolver alça de ligação em torno de minas novas ,e não fazer tantos quebra molas ; isto custa barato mas não resolve simplesmente atrazo , chega.......

    VICENTE GOMES CORDEIRO . disse...

    chega de entregar nosso patrimonio a outras cidades; atenção para minas novas ;estrada de mão dupla ? Porque não uma alça de ligação em torno de minas novas ; em vez de tantos quebra molas . É barato ; mas não rezolve ; isto é atraso ; chega......

    Anônimo disse...

    Em ano eleição tudo se inaugura...

    Anônimo disse...

    O progresso de uma maneira geral,não só traz benefícios e no mundo capitalista que hoje vivemos,as questões de preservação ambiental ficam em segundo plano.Sobre a presença da APERAM,nunca estão preocupados com a nossa sustentabilidade apenas a deles.Se o nosso produtor também tiver a oportunidade de transportar sua produção para ser comercializada que ofereça a quem pagar melhor afinal vivem do que produzem. Parabéns pelo espaço obrigado.

    Anônimo disse...

    Estou com o Sr seu Vicente, acho um absurdo estes caminhões transitando nas ruas centrais da cidade, meu Deus, não vai ficar nada em pé. Será que não tem ninguém inteligente o suficiente para encontrar uma outra alternativa.
    Abraços.

    Anônimo disse...

    Foi uma das moradoras de mangabeira,só eu e os moradores de lá sabem o quanto aquela ponte é importante,agora aquelas pessoas que acham que esta beneficiando a cidade de Turmalina que chamam de estrada de mão dupla é pq ñ conhecer o local é não sabem o quanto aquela comunidade nessecita da ponte, lá agora é saida para qualquer cidade, vai um ex:se alguem ter um infarto ir para Turmalinha é só dez minutos agora vindo para cá é quarenta,eu sei que a maioria de vcs ñ importa com as pessoas que mora lá por isso acham que é gasto mas agora com a PONTE DA AMIZADE ficou mais perto para vcs é só ir podem usa a linda ponte e conhecer as pessoas bacanas que moram lá.

    Bernardo Vieira Silva disse...

    Que fique bem claro ao anônimo do comentário acima que não sou contra à construção da ponte. Como disse no comentário: "É inegável os benefícios que esta nova ponte traz para as comunidades rurais próximas a ela, bem como o distrito de Lagoa Grande". Longe de querer criar polêmica, principalmente em ano eleitoral, minha preocupação é de uma possível evasão do comércio local (Minas Novas). Não conheço o local pessoalmente, mas é inegável a melhoria para a região.

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger