quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

UFVJM EM MINAS NOVAS: COMITIVA PARTICIPA DE REUNIÃO COM MINISTRO DA EDUCAÇÃO ALOIZIO MERCADANTE

Ministro Mercadante elogiou a comitiva pela iniciativa e disse sobre o impacto social que uma universidade traz para locais mais pobres.

A comitiva minasnovense participou de importante reunião com o Ministro da Educação, Sr. Aloizio Mercadante, nesta quarta-feira, 15/02/2012, na sede do Ministério da Educação, em Brasília. O tema do encontro foi a implantação de campus da UFVJM (Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri) em Minas Novas.


Comitiva minasnovense é recepcionada
 no Gabinete do Min. Mercadante
A comitiva, formada pelos deputados federais Gilmar Machado e Marcus Pestana, além do ex-deputado federal Carlos Mota, do prefeito de Minas Novas, José Henrique, do ex-prefeito Felipe Mota, do prefeito de Leme do Prado, Wilmar Barroso, do presidente da Câmara de Minas Novas vereador Paulista, alem dos vereadores Branco de Piu e João Dutra, do delegado do MDA em Minas Gerais, Alcides Guedes, representando a ACIAMN o empresário Aguinaldo Lima, e do representante da comissão UFVJM em Minas Novas, Bernardo Vieira.

Comitiva minasnovense é recepcionada
 no Gabinete do Min. Mercadante
O deputado federal Gilmar Machado requereu maior atenção com a população do Vale do Jequitinhonha, notadamente na educação. Disse ainda que Minas Novas é merecedora de campus universitário na cidade.

O deputado federal Marcus Pestana também defendeu a implantação de campus na cidade. Disse sobre a discussão levantada pela UFVJM sobre a expansão desta e pediu atenção especial ao projeto técnico elaborado pela comissão minasnovense.

Após, o ex-deputado federal Carlos Mota citou passagens que teve com o ex-presidente Lula quando da comemoração do centenário de JK, quando solicitou a criação de uma universidade nos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Lembrou que ele é o autor do Projeto-Lei que criou a UFVJM. Disse ainda sobre a polêmica que se instalou sobre a UFVJM quando o reitor Pedro Ângelo queria mudar o nome da universidade.

O ex-deputado citou ainda a parte histórica do município, lembrando ainda que Minas Novas, diferente das demais cidades do ciclo do ouro, é a única cidade que não possui universidade.

Deputados Federais Marcos Pestana e Gilmar Machado,
juntamente com o Min. Mercadante
O prefeito minasnovense José Henrique entregou ao Ministro Mercadante assinaturas de diversos prefeitos da região que apóiam a causa e pediu atenção especial ao pleito minasnovense.

O Ministro Aloizio Mercadante parabenizou a comitiva pela visão de desenvolvimento, notadamente na educação. Citou exemplos de outros Vales que tiveram seu desenvolvimento após investimentos na educação, como o Vale do Paraíba, que após o histórico do café, teve sua redenção pós-instalação da ITA – Instituto tecnológico de Aeronáutica.

Mercadante citou ainda os benefícios de se ter uma universidade na região, pois a mesma é a única capaz de trazer pesquisa, extensão, investimentos privados, além de ser centro pensante tanto socialmente como politicamente, sem falar nas industrias que se instalam na região.


Lembrou a vinda de Lula em 1989, ainda candidato a presidente da república, em que acompanhou o ex-presidente na viagem pelo Vale do Jequitinhonha.

Min. recebendo projeto técnico elaborado
pela comissão minasnovense
Em um dos pontos mais importantes da reunião, Mercadante citou que houve recentemente a criação de quatro novas universidades, além da expansão de 47 campi. Disse ainda que teria que se construir uma nova rodada de negociação para a criação de mais universidades e campi.

Lembrou também que além da parte histórica, como o caso minasnovense, a criação da universidade deve atender também critérios técnicos.


Após, representando a comissão da UFVJM em Minas Novas Bernardo Vieira falou da importância, além da parte histórica, dos dados técnicos que a cidade possui. Citou o parecer elaborado pela comissão da UFVJM em que a mesma cita que Minas Novas, devido ao fato de possuir um baixo IDH, ser a cidade em que se teria o maior impacto social na região. Lembrou ainda de dados favoráveis como a localização geográfica, população acadêmica, dentre outros.


Ao final, o ministro prometeu estudar com carinho o projeto e novamente elogiou a comitiva por ser a primeira cidade a ter procurado o ministro. Lembrou ainda da expansão dos IFET’s no Vale do Jequitinhonha, possivelmente quatro ou cinco, durante sua gestão.

Comentário

O encontro foi positivo, esclarecedor. O Ministro demonstrou a dificuldade em se criar novos campus, o que já é conhecimento de todos. Entretanto, enfatizou a importância em se ter uma universidade em local pobre, devido o impacto social que esta promove.

Como sempre falo, a luta pela universidade é um sonho grande, de difícil conquista, porém é nessa pequena chance que o Vale do Jequitinhonha e Mucuri deve se agarrar. Com certeza seja essa, num futuro próximo, a melhor e única chance da região em se ter um investimento deste porte, que causará impacto positivo nunca visto na região.

Parabenizo na oportunidade a equipe responsável pela elaboração do estudo técnico: Adalgísio Gonçalves, Adão Carlos Evangelista, Adelson Aparecido, Bernardo Vieira, Domingos Mota, Ênio Almeida, Giovanni Sena, Irene Sena, Marcos Lourenço Fernandes e Valdirene Guadalupe e dos Colaboradores Claudia Machado, Geraldo Agostinho e Jason Mota.

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    1 comentários:

    Anônimo disse...

    CAPELINHA JÁ PERDEU, VAI FICAR ENTRE MN E ITAMARAMDIBA!
    SE DEUS QUIZER UMA DAS 2 CONSEGUE!!!

    \O/

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger