quinta-feira, 16 de maio de 2013

MULTIDÃO LOTA GINÁSIO EM ANGELÂNDIA DURANTE AUDIÊNCIA SOBRE SEGURANÇA


O evento foi uma iniciativa conjunta da Prefeitura Municipal com os comerciantes, e setores da agropecuária, indústria, igrejas e escolas e contou com ampla cobertura da imprensa regional e do Estado.
Mais de 2 mil pessoas compareceram ao evento para debater problemas da segurança no município. Foto: Adilio Gomes

Foi realizada na quarta-feira(15/05), na cidade de Angelândia, Alto Jequitinhonha,  audiência pública para debater questões sobre a segurança pública  no município.

Participaram do evento, mais de 2 mil pessoas e principais autoridades do poder público representando pelo prefeito Thiago Pimenta e da presidente da Câmara municipal Giusa D’Leutério, da segurança pública representado pela Delegada da Polícia Civil , e do judiciário representado pelo promotor de Justiça Cristiano e dos Juízes Leonardo Cohen Prado e Fernando Lamego Sleumer, além de repórteres de diversos veículos de comunicação.

A audiência foi motivada pelos  recentes episódios de violência, roubos e vandalismos que vem acontecendo na cidade nos últimos meses, deixando  preocupada a população com  o aumento da onda de crimes

O evento foi uma iniciativa conjunta da Prefeitura Municipal com os comerciantes, e setores da agropecuária,, indústria, igrejas e escolas.

Moradores e comerciantes afixaram várias faixas   na cidade e na quadra poliesportiva onde aconteceu o evento. As mensagens cobravam solução das autoridades civis e militares para o problema.

Em seu pronunciamento, o prefeito municipal Thiago Pimenta, mostrou sua preocupação com o crescimento da criminalidade e cobrou das autoridades uma intervenção  em favor dos cidadãos de bem da cidade de Angelândia. Ele disse também  que é preocupante a situação do efetivo policial no município que conta apenas com 5 policiais sendo que 4 deles estão de licença médica, restando apenas 1 policial para realizar as operações.

"Esta reunião é para mostrar que nós queremos mudança, que Angelândia merece ter mudança, que só irá acontecer principalmente se as autoridades aqui presentes se mobilizarem para que isso aconteça". – salientou o prefeito.

 O professor Narcélio Fernandes elaborou uma carta de desabafo, que foi lida e emocionou o público presente, pois contextualizava todo o anseio da sociedade em dizer como estavam se sentindo diante de toda esta situação.
O Major da Policia Militar,  Anderson Aguilar, mostrou-se surpreendido com  tamanha mobilização da sociedade angelândense, e se colocou a disposição para esclarecimentos. Disse  também que reconhece o estado do quadro de efetivo da polícia que não é suficiente, e que pela lei a quantidade correta seria 8 policiais e não  apenas 5.

 “Não temos condições de enviar ninguém de imediato para a cidade, isso prevê uma logística, não posso pegar um policial com família, filhos na escola e determinar pra ele a partir de amanhã deverá trabalhar em outra cidade” – disse o Major.

O promotor de Justiça o Dr. Cristiano , sugeriu  ao major, que devida as circunstancias em que a cidade de Angelândia passa com seu quadro de policiais reduzido, onde apenas 1 policial está no cumprimento da função, já que eventualmente os outros 4 policiais estão de licença médica, que o policial  destacasse provisoriamente o efetivo policial em substituição aos de licença.

O Major da Polícia Militar se comprometeu em disponibilizar uma viatura com destacamento policial de Capelinha, durante este período crítico para a cidade de Angelândia durante o dia e outra viatura para o turno da noite, como medida paliativa, e prometeu  efetivar mais 1 policial para o quadro de efetivos de Angelândia, passando assim de 5 para 6 policiais no destacamento.

O juiz de Direito Fernando Lamego Sleumer, cobrou das autoridades presentes o empenho na solução dos problemas apresentados  e pediu cooperação da população , denunciando pelos telefones da polícia civil, que pode ser feito anonimamente, trabalhando em rede, um ajudando o próximo nesta missão de assegurar a paz no meio em que vivemos.

Fonte: Ascom/Prefeitura de Angelândia

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger