quinta-feira, 8 de novembro de 2012

ENTERRADA MINAS NOVENSE QUE MORREU EM ACIDENTE QUE MATOU 7 NA MG-184


Ônibus com trabalhadores rurais caiu de um barranco em Alterosa, MG. Sete pessoas morreram e 38 ficaram feridas.

Com cerca de 15 mil habitantes, a cidade de Alterosa (MG) ficou em luto nesta quarta-feira (7) após um acidente com um ônibus de trabalhadores rurais que deixou sete mortos e 38 feridos na MG-184. Três das vítimas fatais foram veladas na Igreja de Nossa Senhora Aparecida, em Alterosa. O trabalhador rural Sebastião José, sobrevivente do acidente, foi até o local para se despedir dos colegas e relembrou os momentos de desespero.
"Foi muita gente gritando na hora. Todo mundo estava machucado inclusive eu que até desmaiei", conta.
O resultado da perícia, que vai apontar as causas do acidente deve ser divulgado dentro de 30 dias. No entanto, segundo a Polícia Rodoviária Estadual, o mau estado de conservação dos pneus do ônibus  foi o motivo do acidente desta terça-feira (6). Conforme a polícia, o veículo estava com os pneus desgastados, o que provocou um estouro e consequentemente o acidente.
A trabalhadora rural Angela Maria Crispim, sobrinha de uma das vítimas mortas, também estava no ônibus e disse que ouviu um dos pneus estourar. "Escutei um estrondo e quando vi o ônibus já estava no chão", afirma.
Três vítimas foram veladas na Igreja de Noss Senhora em Alterosa (Foto: Reprodução EPTV / Erlei Peixoto)Três vítimas foram veladas na Igreja de Nossa Senhora Aparecida, em Alterosa (Foto: Reprodução EPTV / Erlei Peixoto)
Ainda de acordo com a polícia, o tacógrafo não estava funcionando e o motorista não tinha autorização do DER (Departamento de Estradas e Rodagem) para fazer o transporte de passageiros no veículo, que tinha 21 anos de uso. Segundo testemunhas, os passageiros também eram transportados sem cinto de segurança.
O dono da fazenda de onde os trabalhadores voltavam não foi encontrado para falar sobre o caso. O ônibus foi apreendido e levado em um pátio credenciado de Alterosa. Segundo a polícia, o ônibus pertence ao motorista Evando Resende de Castro, que presta serviços à Fazenda Morro Cavado, onde as pessoas acidentadas trabalham. O motorista está internado na Santa Casa de Alfenas.
O Ministério do Trabalho começa a fiscalizar a situação dos trabalhadores rurais de Alterosa que estavam no ônibus nesta quinta-feira (8).
Velórios e estado das vítimas
O velório de algumas das vítimas aconteceu na Igreja Nossa Senhora Aparecida, em Alterosa. Pela manhã, foram velados na igreja os corpos de Hélio Morais Menezes, de 53 anos e e José Vítor, que moravam na cidade e Silvana Luiz Gonçalves, de 34 anos, natural de Minas Novas (MG). Já outras três pessoas foram veladas em casa: João Batista da Silva, de 57 anos; Maria das Dores de Jesus e Ana Lúcia. Outra vítima do acidente, Maria do Amparo Pereira, de 48 anos, será levada para Imperatiz (MA).
Na Santa Casa de Areado (MG), permanece internada Alessandra de Cássia Terra, de 39 anos, que mora em Alterosa. Ela está em observação no pronto-socorro.
Para o Hospital Alzira Velano, em Alfenas (MG), foram levadas 23 pessoas, sendo três delas transferidas na tarde desta quarta-feira da Santa Casa de Alterosa. Agora, doze continuam internadas no hospital. Nove estão com o estado de saúde estável e fora de risco. Três passaram por cirurgias e estão na UTI. Outras cinco pessoas continuam internadas na Santa Casa de Alfenas. O quadro delas é estável e ninguém corre risco de morte. Entre elas, está o motorista do ônibus. Outras duas pessoas estão internadas na Santa Casa de Guaxupé (MG).
O acidente

O ônibus caiu em um barranco de cerca de 10 metros na tarde desta terça-feira. De acordo com o Corpo de Bombeiros, era um local de difícil acesso, o que dificultou o trabalho de resgate às vítimas. Quatro pessoas morreram no local. Uma pessoa morreu na Santa Casa de Alterosa e outras duas no Hospital Alzira Velano, em Alfenas.


Segundo informações do hospital, cerca de 40 pessoas receberam o primeiro atendimento na Santa Casa de Alterosa e foram transferidas para hospitais da região. Conforme a Polícia Militar, pelo menos 45 pessoas estavam no veículo. Os trabalhadores haviam acabado de sair de uma fazenda.
Acidente com ônibus deixa 7 mortos e cerca de 30 feridos. (Foto: Reprodução EPTV / Tarciso Silva)Acidente com ônibus deixa 7 mortos e cerca de 40 feridos. (Foto: Reprodução EPTV / Tarcisio Silva)


DO G1

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    2 comentários:

    Anônimo disse...

    Até quando pessoas serão tratadas assim. Que Deus conforte a todas as famílias que perderam seus entes. Vidas jogadas barranco abaixo, simplesmente por causa da irresponsabilidade de transportar pessoas num veículo nessa situação. DESRESPEITO.

    Anônimo disse...

    falta fiscalisaçao em toda parte

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger