terça-feira, 10 de janeiro de 2012

CHUVAS NO VALE DO JEQUITINHONHA: GOVERNO DISTRIBUI DONATIVOS E ANTECIPA BOLSA FAMÍLIA


Além das ações previstas no Plano de Emergências Pluviométricas 2011/2012, lançado em outubro passado, o Governo de Minas está intensificando, nesta semana, o atendimento aos municípios e vítimas das chuvas. Na região do Grande Norte – que congrega os vales do Jequitinhonha e do Mucuri e o Norte de Minas – o Corpo de Bombeiros está recebendo donativos (roupas e alimentos) para vítimas das chuvas, que já causaram oito óbitos em todo o Estado e deixaram 32 pessoas feridas. O número de desabrigados chega a 404, além de 84 casas terem sido destruídas. Outros 2.420 imóveis foram danificados.

Entre outubro e dezembro do ano passado, o Governo de Minas, por meio da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec), atendeu demandas de 23 municípios da região, com a distribuição de 960 cestas básicas de alimentos, 900 telhas, 630 colchões, 1.530 kits higiênicos e de limpeza, 280 cobertores, roupas e lonas plásticas. Foram eles: Brasília de Minas, Botumirim, Francisco Badaró, Berilo, Leme do Prado, Chapada do Norte, Itinga, Virgem da Lapa, Coronel Murta, Rubelita, Guaraciama, Bocaiúva, Japonvar, Pedras de Maria da Cruz, Itamarandiba, Presidente Juscelino, Monjolos, Santo Hipólito, Datas, Felisburgo, Buritizeiro e Jacinto.

Em todo o Estado, a Cedec distribuiu 70,5 toneladas de alimentos, 4.090 colchões, 2.620 cobertores, 9.160 telhas, 2.850 kits de produtos de higiene pessoal e 830 de limpeza, 87 rolos de lonas e 160 sacos com roupas. Até o momento, 109 municípios foram afetados pelas chuvas, sendo que 53 deles decretaram situação de emergência.

Orientações aos moradores das áreas de risco

Desde o segundo semestre do ano passado, o 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros, sediado em Montes Claros, já realizou diversas ações de orientação de famílias residentes em 11 áreas consideradas de risco para ocorrência de enchentes ou desabamentos. Os bairros onde se concentram as áreas de risco são Vargem Grande, Chiquinho Guimarães, Vilage do Lago II, Vila São Francisco de Assis, Clarice Ataíde, Vila Itatiaia, Cidade Industrial, Vila Campos, Vila Cedro, Jardim Eldorado e Vila Castelo Branco.

Além de orientar a população das áreas de risco, o 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros está recebendo donativos nas unidades de Montes Claros, Janaúba, Sete Lagoas, Curvelo, Diamantina e Pirapora. As doações são destinadas a entidades de assistência social e à Cedec.

Antecipação do Bolsa Família

O Governo de Minas conseguiu que o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) antecipe o pagamento do benefício do Bolsa Família para pessoas que participam do programa e moram nas cidades que decretaram estado de emergência. O pagamento será referente aos meses de janeiro e fevereiro.

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), que pediu a autorização em nome do Governo de Minas, trabalha agora para estender a antecipação para os moradores dos 19 municípios que tiveram situação de emergência decretada nas últimas horas. A liberação deve ocorrer nos próximos dias.

Com a antecipação, o pagamento de janeiro e fevereiro que são feitos de forma escalonada, de 25 a 31 de cada mês, será efetuado de uma só vez para todos beneficiários. Em janeiro, o pagamento será no dia 18, e em fevereiro no dia 14. Só nos 52 municípios, mais de 150 mil famílias recebem o benefício, que varia entre R$ 36 (mínimo) e R$ 306 (máximo).

Na região do Grande Norte, os municípios onde as famílias serão contempladas com a antecipação do pagamento do Bolsa Família são os seguintes: Itamarandiba, Jequitinhonha, Buritizeiro, Jacinto, Setubinha, Claro dos Poções e Brasília de Minas.
696 municípios mineiros já têm defesa civil

Entre outras ações, nos últimos anos o Governo de Minas tem investido na estruturação dos municípios para atuação em casos de emergência. Em 2004, dos 853 municípios mineiros, apenas 374 possuíam Coordenadorias Municipais de Defesa Civil (Comdecs). Desde então, este número quase dobrou. Atualmente, o Estado possui 696 coordenadorias de defesa civil.

Para integrar as ações junto aos municípios mineiros, a Diretoria de Ensino em Defesa Civil realizou, no período de 2004 a 2011, um total de 203 cursos de capacitação em 652 cidades de todas as regiões do Estado, com um total de 5.048 alunos. Em 2011, a Escola realizou 34 cursos para 241 municípios, totalizando 1.147 alunos.

Por outro lado, atualmente a Cedec conta com 13 depósitos avançados para armazenar mantimentos e doações, espalhados por todas as regiões de Minas. Outros três depósitos estão sendo construídos. Até o momento 21 equipes de transporte de ajuda humanitária foram deslocadas para o abastecimento dos depósitos avançados no interior e outras 17 equipes de prevenção e resposta a desastres foram deslocadas para municípios de diversas regiões.

Foram firmadas parcerias com empresas privadas, como a Vivo, Iveco, Coca-Cola e com a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (Adra), que está disponibilizando voluntários para atuação em todo o Estado nas ações de defesa civil. Até o momento já foram capacitados mais de 400 voluntários da organização não governamental.

Para atendimento às vítimas das chuvas, a Copasa já entregou à Defesa Civil Estadual 500 caixas de copos de água potável, totalizando 35 mil unidades.

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger