terça-feira, 5 de julho de 2011

Prefeitos mineiros se unem por asfalto na MG-217

Eles alegam que as condições ruins comprometem o turismo e o escoamento da produção

Prefeitos e lideranças políticas dos vales do Mucuri e Jequitinhonha iniciaram uma campanha cobrando asfaltamento do trecho de 51 km da MG-217, entre as cidades de Malacacheta e Água Boa. A estrada de terra – por onde circula principalmente a produção leiteira – é um desafio para motoristas que precisam enfrentar buracos e poeira ao longo do percurso, cujo traçado acompanha as montanhas da região.

A Associação dos Municípios do Circuito das Pedras Preciosas também aderiu à causa e planeja conseguir cerca de 200 assinaturas entre autoridades. O documento com a reivindicação será entregue ao Governo de Minas.

Na mesma região, a BR-367 tem trechos de terra e pontes precárias

O motorista Alfredo Vargas de Oliveira, que pelo menos duas vezes por semana usa a estrada para chegar a Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, levando lascas de madeira em um caminhão ano 1978, lamenta a falta de empenho político.

- Na época das eleições, os políticos vêm para cá e prometem que vão fazer o projeto para recuperar a estrada. Depois que conseguem os votos, somem, e nós, motoristas, ficamos com o abacaxi nas mãos. Somente veículos antigos aguentam essa estrada. Os mais novos não resistem a um mês de viagem por aqui. Vão logo para a mecânica.

O movimento é liderado pelo prefeito de Água Boa, Carlos Magno Ferreira (PV), que nos próximos dias deve se reunir com os presidentes das associações de municípios do Vale do Rio Doce, do Mucuri e do Jequitinhonha. A ideia é ter o maior número de apoiadores possível para cobrar do governo o início da obra, inserida no Programa Caminhos do Campo, conforme o site do DER (Departamento de Estradas e Rodagem de Minas Gerais).

A estimativa é de que o asfaltamento beneficie 33,3 mil moradores da região. O prefeito Carlos Magno explica um benefício que poderia ser trazido à região.
- Em Água Boa, por exemplo, a estrada encurtaria o tempo de viagem até Teófilo Otoni, onde fica a universidade.
Carlos Magno lembra que a situação da MG- 217 é mais crítica no período das chuvas.
- Aí fica intransitável. Não passa nada.

Para o presidente da Associação dos Municípios do Circuito das Pedras Preciosas, Iesser Lauar, a pavimentação da estrada vai unir de vez a cultura e a economia das regiões do Rio Doce, Mucuri e Jequitinhonha. Também será fundamental para o abastecimento da ZPE (Zona de Processamento de Exportação) de Teófilo Otoni, único distrito industrial específico para o mercado externo no Estado.

- A rodovia, sem dúvida, trará desenvolvimento e uma expectativa de vida melhor para a população e para o comércio de toda a região. Essa é uma estrada estratégica.

Lauar visitou no último fim de semana a região de Água Boa para desenvolver um projeto de roteiro turístico.
- Fomos conhecer as potencialidades do lugar. Descobrimos que há muito a ser feito, principalmente melhorar o acesso ao município.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas informou que já existe um projeto de engenharia pronto para a pavimentação de um trecho de 51 quilômetros entre Malacacheta e Água Boa. A expectativa é de que as obras comecem em 2012. O Hoje em Dia mostrou, em junho, que outros acessos da região ainda esperam por asfalto. Um deles é a BR-367, entre Chapada do Norte e Virgem da Lapa, no Vale do Jequitinhonha. A rodovia federal liga Belo Horizonte ao Sul da Bahia.

Fonte: R7 

Sobre o Autor: Bernardo Vieira
  • Perfil Completo
  • Website | Google+ | Twitter | Facebook
    Bernardo Vieira

    Sou mais um apaixonado pelo Vale do Jequitinhonha e suas riquezas. Venho, através deste blog, tentar expandir a cultura do vale, bem como trazer novidades e coisas úteis em geral. Formado em Administração pela UFLA - Universidade Federal de Lavras e Funcionário Público Estadual (TJMG). contato pelo email: nabeminasnovas@yahoo.com.br ou bernardominasnovas@hotmail.com.

    0 comentários:

    Postar um comentário

    As opiniões expostas nos comentários não refletem as do autor do Blog.Não serão aceitos comentários ofensivos, de baixo calão.

    Blogger Themes

    2leep.com

     
    Powered by Blogger